Boas notícias para a industria automóvel
posted on: Jul 21, 2009 on category: Ponto de vista


A Nissan acaba de revelar que Portugal e Inglaterra foram os dois mercados seleccionados pelo grupo para instalar fábricas de baterias de iões de lítio para carros eléctricos. Em Portugal o investimento da Nissan será de 250 milhões de euros, com a criação de 200 postos de trabalho, numa localização que será mais tarde anunciada.

Em comunicado a Nissan explica que em Portugal foram identificados vários sítios possíveis para a instalação da fábrica. Porém, a localização definitiva não deve ser revelada já hoje. O vice-presidente da Nissan Europa, Eric Nicolas, teve esta manhã um encontro com o primeiro-ministro, José Sócrates, agendado para as 11h15, em Lisboa.

Além de Portugal, também Inglaterra foi seleccionada pela Nissan. A fabricante automóvel japonesa já aí tem uma unidade de produção em Sunderland, onde ficará instalada também a fábrica de baterias para carros eléctricos.

Cada uma das duas unidades, a portuguesa e a inglesa, terá capacidade para produzir anualmente 60 mil baterias, informou a Nissan. Não está posta de parte a instalação de outras fábricas noutros países europeus, segundo a empresa japonesa.

Considero que esta notícia é importante para Portugal, numa altura em que o sector está em crise profunda.

Foi também anunciado hoje pelo primeiro-ministro que quem adquirir carro eléctrico receberá 5000 euros de incentivo, que chegará a 6.500 se entregar um veículo para abate, e que as empresas terão redução de 50% em IRC. Os incentivos à utilização dos carros eléctricos não se ficam por aqui, podes saber mais em Incentivos veículos eléctricos.

Sócrates revelou que o Governo se prepara para legislar de modo a que cada cidadão tenha, pelo menos até 2012, um bónus de 5.000 euros na compra de um carro eléctrico.

Esse incentivo poderá vir a ser dado de forma directa ao comprador ou descontado logo no momento da compra, no ‘stand’. O primeiro-ministro indicou que a forma como esse incentivo será dado ainda está a ser estudada. No caso de a compra do carro eléctrico ser feita mediante a entrega de um carro usado para abate o apoio será de 6.500 euros.

Estas medidas foram apresentadas por José Sócrates em São Bento, momento depois de o Estado Português e a Renault Nissan terem assinado um memorando para a instalação em Portugal de uma fábrica de baterias para carros eléctricos.

Partilhar artigo:

Comments

No comments yet.

Leave a comment

Powered by Wordpress.